Vendas na Saúde: é o foco da vez!

Um tema que é visto como TABU por muitos profissionais. Mas até quando isso ficará em segundo plano?

Para falar sobre isso, nosso CEO, Thiago Martins, participou do Podcast MedMarketing School.

O Podcast do MedMarketing School é idealizado pelo Dr. Flávio Quinalha, cirurgião-plástico e dono do maior canal de cirurgia plástica do Brasil, no Youtube.

Esse é um podcast que trata de assuntos relacionados a marketing, marketing digital para médicos.

No 6º episódio, nosso CEO, Thiago Martins teve a honra de participar falando sobre um tema muito pertinente e uma dúvida muito recorrente de praticamente todos os profissionais da saúde que decidem investir seu tempo, disposição e dinheiro nas mídias sociais.

Estou nas mídias sociais, produzo conteúdo e agora? Como vender mais?

Sabemos que é um grande passo começar produzir conteúdo próprio (conteúdo autoral) na internet.

Isso é difícil para muitas pessoas, inclusive para profissionais de marketing digital também.

Não há receita pronta, nem uma maneira fácil de fazer acontecer.

Mas, só produzir conteúdo autoral não é o fim do processo, deve-se levar em consideração que produzir conteúdo, ser visto como autoridade é parte do topo.

Há uma etapa muito importante e que pouco se divulga que é a mudança de processos internos.

Mudança de processos de venda dentro do consultório.

Primeiro os profissionais de saúde devem começar pelo básico, sabendo se posicionar, falando aquilo que o paciente (leia-se cliente em potencial) quer ouvir / ler / saber.

A partir dai, deve-se repensar em como será o direcionamento para quem consumiu o conteúdo. Se o seu conteúdo é relevante, a pessoa ficará interessada em contratar seu serviço / solução.



Para isso acontecer, deve ter sempre uma chamada para ação (Call-To-Action), ou seja, você deve direcionar a pessoa para um local, para um whatsapp, telefone, email ou algum outro local que ela possa falar com sua equipe e dar sequência no agendamento.


Se você curtiu esse vídeo, inscreva-se no canal, deixe seu like e ative o sininho


Você já ouviu isso, certo? Provavelmente, em algum momento da sua vida, executou alguma dessas ações após ouvir isso, não foi?

Pois bem, é isso mesmo que acontece quando você está conectado de verdade com um conteúdo que é relevante para você. A tendência é que você siga a ação que a pessoa está passando.

“O básico gera conexão, conexão faz com que você seja visto como referência,
quem é visto como referência gera desejo, quem tem desejo compra”


Antes de querer gourmetizar, vamos primeiro nos preocuparmos com o bom e velho arroz com feijão.

Após ter ganhado visibilidade, aumentado o número de pessoas relacionando com você, ter aumentado também o número de pessoas buscando seu serviço, ai sim é hora de falarmos em vendas!

Diferentemente do telefone, que tem início, meio e fim. O whatsapp não tem um final tão claro.

Se você não tomar as rédeas da conversa, ditar o ritmo e fazer com que seja algo pontual, terá sempre muita conversa, pouco agendamento e pessoas desmarcando ou não comparecendo aos montes!

Acredite, é exatamente isso que acontecerá se você não se atentar para os novos processos de vendas, estruturados especificamente para canais digitais.

Na maioria das vezes é necessário repensar os processos, analisar os resultados para poder criar algo que faça sentido e que vá de encontro com a necessidade.

O mercado mudou, as regras mudaram e você… conseguiu acompanhar isso tudo?

Quer saber mais sobre presença digital e processo de vendas? Acompanhe o podcast abaixo: